Parlamentar se coloca a disposição do Superintendente do IPRC

3ª Etapa do Campeonato Estudantil de Xadrez de Rio Claro
maio 15, 2017
Vereador La Torre acompanha equipe no bairro Terra Nova
maio 18, 2017

“Na última sexta-feira dia 12/05 o vereador Adriano La Torre e a economista Patrícia Misson visitaram as instalações do IPRC (Instituto de Previdência do Município de Rio Claro) e reuniram-se com o Superintendente Lineu Vianna de Oliveira  e sua equipe técnica buscando informações e fomentando a diligência no presente setor.

Foram levantadas informações sobre os critérios de investimentos, reuniões e composição do comitê de investimento e conselhos, levantamento de dados atuais e os principais desafios este ano a respeito do atual cenário econômico. La Torre se colocou à disposição do IPRC para difundir e discutir na Câmara os principais assuntos pertinentes aos servidores públicos municipais para os mesmos tomem conhecimento e possam participar efetivamente de todas as suas atividades.

O Instituto de Previdência do Município de Rio Claro – IPRC nasceu em 20 de setembro de 2007, através da Lei Complementar Municipal 023/2007. É uma Autarquia Municipal responsável pela guarda e administração dos recursos financeiros destinados ao pagamento dos benefícios previdenciários previstos na Lei Complementar Municipal nº 023/2007, que são: aposentadoria por invalidez; aposentadoria compulsória; aposentadoria por idade; aposentadoria por idade e tempo de contribuição; auxílio doença; salário família; salário maternidade; pensão por morte e auxílio reclusão, visando a capitalização dessas reservas. Compondo sua estrutura administrativa da seguinte forma: Superintendente, o superintendente é o administrador do IPRC, que representa judicial e extrajudicialmente a instituição, escolhido dentre os membros eleitos pelos funcionários públicos estatutários, nas condições estabelecidas pela Lei Complementar 023/2007. Conselho Deliberativo, o conselho deliberativo é o órgão representativo dos Servidores Públicos Municipais Estatutários, composto por servidores ativos e inativos, eleitos pelos Servidores Estatutários, em votação geral e secreta, com estruturas definidas no Regimento Interno, responsável por estabelecer, juntamente com o Superintendente, dentre outras funções, as diretrizes gerais da política de gestão do IPRC. Conselho Fiscal, o conselho fiscal é composto por servidores ativos e inativos eleitos pelos Servidores Municipais Estatutários, incumbidos principalmente de examinar contas e balancetes mensais do IPRC e emitir pareceres a respeito (Disponível em http://www.iprc.sp.gov.br/iprc/quem-somos/).

Os Regimes Próprios de Previdência Social são uma forma de sistema de previdência específico de cada ente federativo, que assegura, no mínimo, os benefícios de aposentadoria e pensão por morte dos seus segurados, ou seja, dos servidores titulares de cargo efetivo e de seus beneficiários. Muitas são as vantagens para o município como a economia de até 50% nas contribuições patronais incidentes sobre a remuneração dos servidores públicos efetivos, pois a alíquota patronal no âmbito do RGPS (INSS) é de 22%,enquanto no RPPS pode ser reduzida até a 11%, além de outras vantagens como a compensação previdenciária, redução de ações judiciais e morosidade, ausência de teto salarial e ausência de carência para a concessão de benefícios, dentre outras.

La Torre destaca a importância do Poder Legislativo em fiscalizar e prestar informação em nome da transparência e da valorização do servidor público municipal.


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/adrianolatorre/public_html/wp-includes/functions.php on line 4757